Blog de Revisão

Homem procura mulher Brasil

Casadas

Coloca as coisas na balança o tempo todo. Liv certamente concordaria. E, veja só, é exatamente essa a teoria da norte-americana bell hooks em Tudo sobre o Amor: Novas Perspectivas ed. É uma obra linda, que pode renovar o fôlego dos mais descrentes. Temo que cresçam procurando intimidade sem risco, prazer sem investimento emocional significativo. Solteira convicta, e do tipo aquariana desapegada, sofre dos mesmos sintomas do undateable Leonardo DiCaprio. Dizem que os amigos riem alto quando ela solta essa. Desespero cabe melhor. Se relacionar com ela é pedir para desenvolver o cinismo previsto por bell hooks e Harold Kushner.

Procuramos homens 882561

Notícias relacionadas

Essa busca masculina, de acordo com a psicóloga Ester Jeunon, reflete bem um contexto novo. Mas esses papéis mudaram. Hoje, elas buscam novas identidades. Ao mesmo tempo em que quer encontrar uma parceira, Douglas conta que tem planos para viajar para fora. Para namorar, a mulher tem que ser parceira, compreensível e lhe dar fortaleza nas suas escolhas e ambições. Essas características, citadas por Douglas e também por outros entrevistados, lembram, de aliança com psicólogo clínico Robson Brito, a figura materna. Todos nós, seres humanos, queremos ser amados e reconhecidos. Um paciente me disse certa vez que só iria aceitar se casar com a namorada se as coisas fossem divididas de igual para igual.

Quero uma esposa que me Ame

É por isso que resolvi reunir as 20 qualidades mais admiradas nos homens, pelas mulheres. E é por então mesmo. É apenas curiosidade. Aqui, para fazer um recorte interessante, peguei levemente os votos femininos nas listas dos homens e somente as top 20 qualidades ranqueadas. Agora vamos ao que interessa:

Informação de qualidade e confiável a apenas um clique. Assine VEJA.

A resposta? Numa delas, os estudiosos definiram os quatro tipos mais comuns de relações entre eles e elas. Dispostos a descobrir isso, uma equipe de professores da Universidade de Wisconsin-Eau Claire, nos Estados Unidos, realizou uma pesquisa com adultos, com idades entre 18 e 52 anos, que mantinham amizade com pessoas do sexo oposto. Eles também se mostraram mais dispostos a ter um encontro amoroso com as amigas do que elas com os amigos. Em outro estudo realizado pelo mesmo time de pesquisadores, os entrevistados foram convidados a nomear os benefícios e malefícios das amizades intersexuais.